• Max Cohen

Diretoria de Inovação: CV? Como o RH deveria ser.

Neste último mês falei muito nas minhas apresentações sobre a “lógica dominante”. É um conceito, dentro do arcabouço da teoria de recursos em gestão estratégica, que busca explicar como uma organização perde a sua competitividade a partir do momento que as equipes ficam presas numa lógica de pensamento passada em termos de negócios. E essa discussão me levou a pensar no CV - Curriculum Vitae. CV pra quê?


Não faço ideia de quem criou o CV. Foi uma ideia bacana, sem dúvida alguma. E já tem muito tempo que é usado e pouco da sua estrutura foi mudada nas últimas décadas. Então, se estamos vivendo numa época de tantas boas novidades e inovações, por que o RH das organizações continua pedindo CV de potenciais candidatos? 🤷🏼‍♂️


Eu tenho enviado CVs desde que me formei em ciências econômicas. Não faço ideia da quantidade, nem de quantos tipos elaborei e nem de quantos enviei. Devo ter enviado milhares. Sem contar com os dos amigos e conhecidos. Quem nunca enviou o CV de um amigo no intuito de ajudar o amigo que buscava emprego ou o amigo recrutador em apuros que não encontrava pessoas para entrevistar?


Assim como fazem tantos brasileiros, enviar CV faz parte do processo de encontrar uma posição no mercado de trabalho. Até aí eu concordo, mesmo sendo um trabalho muito repetitivo. Mas o que mais me incomoda é quando um recrutador me oferece uma vaga que não tem muita aderência ao meu perfil. É pra acabar com o sujeito.

Poderia ser diferente? Sim. Deveria ser diferente! Vos apresento Skillset.


A Skillset, uma empresa no segmento HRtech, fornece aos candidatos a emprego e às empresas dados informativos de perfil com base em habilidades de desempenho comprovadas, de forma que o gestor de RH possa realizar uma tomada de decisão com maior assertividade e aumentar a diversidade e a inclusão.

A plataforma oferece um simulador de trabalho, inovador e baseado em Inteligência Artificial, que permite que os candidatos experimentem as tarefas principais de uma posição específica que se deseja ser preenchida, antes da primeira inscrição. Com isso, as habilidades são comprovadas e apenas leads relevantes qualificados são indicados para a entrevista. Para mim parece ser um processo extremamente simples e mais inteligente do que enviar um CV.

A startup israelense foi fundada por duas mulheres com larga experiência em RH. Recebeu apoio da Autoridade de Inovação de Israel. Sua plataforma de simulação inteligente já recebeu mais de US$600.000 em investimentos e opera com clientes em Israel e nos Estados Unidos.


Organizações que competem em mercados dinâmicos necessitam ajustar suas estratégias para melhor otimização do uso dos seus recursos. De igual importância dos outros recursos organizacionais, os Recursos Humanos são fatores críticos de sucesso assim como os processos internos e externos de recrutamento e seleção. Conseguiremos estabelecer uma mudança geral e trocar o tal "me envia o teu CV" por algo mais moderno? 😀

42 views0 comments

Recent Posts

See All